Corrida de Orientação

Apesar de pouco popular no Brasil, a corrida de orientação é um esporte bastante praticado em outros países como a Suécia, a Finlândia e a Noruega. O esporte surgiu em 1912 com atletas de atletismo que antes, apenas corriam. A modalidade chegou ao Brasil somente em 1970 e passou a ser mais conhecida na área da educação física a partir de 1974 quando a Escola de Educação Física do Exército a incluiu em seu currículo.

O objetivo do esporte é passar pelos pontos de controle de um terreno no menor tempo possível, com auxílio apenas de um mapa e uma bússola. A leitura do mapa é essencial para os praticantes da modalidade. Nele, diversas simbologias dizem, entre outros, a rota a ser traçada e os obstáculos do caminho.

Existe a modalidade Orientação de precisão em que o tempo é substituído por precisão e raciocínio, o que permite a prática deste esporte por pessoas com dificuldades de locomoção. Trata-se de um esporte inclusivo que trabalha a capacidade técnica dos participantes e apura a orientação fina. Geralmente são utlizados mapas em escalas maiores, mais detalhados e precisos.
Com o isolamento social em virtude da pandemia de COVID 19 tornou-se mais comum a modalidade Orientação Virtual que é semelhante a orientação de precisão. Os participantes devem observar a cena e identificar o prisma correto de acordo com o mapa.

Nas versões anteriores da JGEOTEC a corrida de orientação ocorria no ultimo dia do evento, sendo uma forma de exercitar e confraternizar, este ano estamos disponibilizando a orientação virtual através dos pontos turisticos do Rio de Janeiro. Sejam todos bem vindos a esta modalidade virtual!

>> Vamos dar início à corrida?! Clique neste link.